Conheça os três estilos da capoeira, com Mestre Zoinho

Mestre Zoinho ensina capoeira na Associação dos Funcionários Públicos e com um trabalho sério mostra que tem sido muito gratificante estar ali ensinando a garotada e aprendendo também. “Toda aula que faço saio mais fortalecido é impressionante como todos interagem, sou muito grato a todos e aos meu alunos principalmente”, revela o Mestre Zoinho.

Estilos    

A capoeira possui três estilos que se diferenciam nos movimentos e no ritmo musical de acompanhamento.

O estilo mais antigo, criado na época da escravidão, é a capoeira angola. As principais características deste estilo são: ritmo musical lento, golpes jogados mais baixos (próximos ao solo) e muita malícia.

O estilo regional, criado por Mestre Bimba, caracteriza-se pela mistura da malícia da capoeira angola com o jogo rápido de movimentos, ao som do berimbau. Os golpes são rápidos e secos, sendo que as acrobacias não são utilizadas.

Já o terceiro tipo de capoeira é o contemporâneo, que une um pouco dos dois primeiros estilos. Este último estilo de capoeira é o mais praticado na atualidade. Porém é importante ressaltar que capoeira é uma só, a Capoeira de Angola, considerada a mãe dos outros estilos e mais próxima da capoeira jogada pelos escravos africanos.